14 de nov de 2009

Governo fixa "meta voluntária" de redução de gases entre 36,1% e 38,9%

O Brasil levará para a convenção do clima das Nações Unidas em Copenhague, na Dinamarca, o compromisso "voluntário" de reduzir as emissões de gás carbônico em até 38,9% até 2020.
A decisão foi tomada nesta sexta-feira (13), em São Paulo, após reunião do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com os ministros Dilma Rousseff (Casa Civil), Carlos Minc (Meio Ambiente), Sérgio Rezende (Ciência e Tecnologia) e Franklin Martins (Comunicação Social), além de representantes das áreas ambiental e energética do governo.

Nas últimas semanas, o governo discutiu propostas para a redução de emissão de gases e já havia finalizado a possibilidade de um compromisso em torno de diminuição nas emissões até 2020.

O compromisso brasileiro leva em conta a perspectiva de crescimento do PIB entre 4% e 6% anuais, ao longo do período.

Nenhum comentário: