17 de mar de 2009

Sumiço de ilha de 20 mil metros quadrados intriga biólogo e governo do Rio


O sumiço de uma ilha com cerca de 20 mil metros quadrados na lagoa da Tijuca, na Barra da Tijuca (zona oeste do Rio), intriga ambientalistas e integrantes do governo do Estado do Rio. Fotos aéreas de 2004 comprovam a existência da ilha, que desapareceu segundo as imagens feitas em 2008.
O governo do Estado ainda não sabe exatamente o que ocorreu, embora tenha uma suposição.
"Provavelmente a ilha foi dragada durante a execução de um projeto de melhorias na lagoa", afirma Carlos Abenza, diretor de recuperação ambiental do Inea (Instituto Estadual do Ambiente).

Nenhum comentário: